Muito obrigado, Minha Vida!

Fala galera, depois de 3 anos trabalhando curtindo o dia-a-dia do Grupo Minha Vida, não estou mais trabalhando pra eles. Infelizmente a crise que estamos passando no Brasil também chegou lá e pediu ao grupo para que se adequasse ao péssimo cenário nacional causado pela incompetência política.

Mesmo assim, este ano de 2015 foi especialmente um tesão pra mim, trabalhamos e entregamos muita coisa de impacto em diversas áreas, principalmente na área nutricional da unidade de negócios. Alguns dos principais projetos usando técnicas de Data Science e Machine Learning aplicadas à nossa necessidade que entregamos nestes últimos meses:

  • Permitir que alimentos considerados mistura (não os pratos bases) pudessem ser trocados por outras misturas. Pra isso usamos um conjunto de técnicas de aprendizado supervisionado de Machine Learning onde a equipe nutricional nos disse em uma amostra do universo de alimentos que existe na base do Dieta e Saúde, o que era mistura e o que não era com uma assertividade maior que 99%. Com algoritmos de Data Science ensinamos isso para o computador, ele replicou para o resto da base e com isso foi possível classificar todo o universo de alimentos existente na base de dados.

     

  • Através de dados nutricionais existente nos alimentos foi possível classificar e segmentar os 12 principais grupos alimentares (carnes, leites, verduras, frutas, etc). Depois de mais de 1 mês pesquisando e cruzando possibilidades com a equipe nutricional, conseguimos chegar num modelo preditivo satisfatório. Então foi possível inserir a informação nutricional de um alimento, e independente do nome, este alimento passa a ser classificado dentro de um daqueles 12 grupos alimentares com uma taxa de acurácia acima de 85%. Sim, com isso pudemos expandir para outros países e conseguir montar uma alimentação saudável lá independente do nome do alimento, só usando as informações nutricionais. Num primeiro momento foi o México que recebeu o aplicativo do “Dieta y Salud”, mas com isso, pode-se ir para o Azerbaijão que a informação nutricional vai classificar o alimento.

 

  • Montamos uma lista de compras baseada em diversos Score Cards que definimos com base na experiência do usuário no aplicativo, com isso permitimos um aproveitamento de alimentos para o usuário não gastar dinheiro que não precisa no supermercado. Até a ordem das coisas segue uma lógica igual às dos grandes mercados. Isso ficou muito bom, inclusive foi combinado com informações de sazonalidade da disponibilidade do alimento, permitindo uma elaboração de cardápio real e com alimentos existentes.

 

Implementamos também o PowerBI e o Datazen para nossos tomadores de decisão. O Alexandre Tarifa (ASP .Net MVP e diretor de tecnologia do grupo) estava fazendo alguns testes com o PowerBI e chegou a colocar mais de 1.5 bilhão de linhas dentro do aplicativo, e este respondeu sem problemas…

Também fizemos uma iniciativa de colaboração conjunta com a FIAP e com o Instituto Colabore, onde trouxemos 13 alunos da FIAP para dentro do Minha Vida durante as férias do meio do ano, ficamos 2 semanas com eles trocando experiências e vivências reais. Na primeira semana trabalhamos em disciplinas que usamos diariamente nas empresas, e trabalhamos em um hackathon para o Instituto Colabore na segunda semana. Foram duas semanas foda, a galera da FIAP é muito empenhada e dedicada, teve dia de sairmos do Minha Vida depois da meia noite, e a galera ainda estava empolgada com o que estávamos fazendo. Grupo de alunos excepcionais!

Nossas conquistas com Machine Learning e Data Science foram tão impactantes para nosso business, que tivemos a honra de mostrar isso nos dois maiores eventos de tecnologia Microsoft no Brasil. Em Maio fizemos uma participação (o Alexandre Tarifa e eu apresentamos a solução) no Keynote do //Build, e em Setembro também foi apresentado no Keynote do TechEd, nesta ocasião não fomos nós que apresentamos, mas foi nossa solução.

Muito obrigado a todos que permitiram que estas coisas acontecessem!

Hoje quando fui pegar minhas tralhas lá no escritório, peguei as duas mochilas cheias de livros e apostilas que usava frequentemente, e no caminho de volta pra casa senti um leve vazio dentro do peito. Deixar de trabalhar no Minha Vida não é fácil, o ambiente de trabalho e, principalmente, as pessoas são incríveis. Sentirei saudades, com certeza. Minha Vida, vocês são foda!!!

Compartilhe o post:
RSS
Follow by Email
Facebook
YOUTUBE
YOUTUBE
LinkedIn

Comentários

comments