Internacionalizando seu projeto de BI com o Translate do Analysis Services 2012

Translate

Fala galera, quando trabalhamos com projetos de BI em uma empresa que pode ter usuários ao redor do mundo, faz total sentido nós traduzirmos a camada de apresentação de nossos membros, dimensões e measures, facilitando o entendimento e uso dos resultados pelo usuário final dentro de sua lingua materna.

Esta necessidade é mais comum do que imaginamos, ainda mais neste ultimos anos, com a facilidade e expansão de se trabalhar remotamente para empresas extrangeiras. Conheço algumas pessoas que de suas casas fazem projetos internacionais, mesmo nunca tendo contato pessoal com seu empregador. Pode parecer estranho, mas acontece!

Neste post vou mostrar como criar essa “internacionalização” de projetos construídos no SSAS, e definindo quais termos serão usados na lingua do cliente e quais estarão fixos (sem tradução). Vale lembrar que a tradução é um mecanismo que altera a legenda e o rótulo da informação postada na tela, e não o dado em sí, isso significa que você não terá seus dados traduzidos, mas sim os titulos dos campos que ele representa.

Outro ponto importante é que uma tradução se dá pela definição de dois valores, um sendo o ID do idioma e o outro a tradução que aquele valor representa. O idioma padrão do devide (repare que não usei o termo computador propositalmente) que está consumindo os dados do cubo é fornecido através das configurações de localidade, que passa através do LCID (Locale ID – Identificador de Localidade) para a ferramenta cliente.

Vou seguir a partir do momento que você já tem um projeto de BI com o AdventureWorksDW2012 criado dentro do seu ambiente, e ele está funcionando.

Visualizando a Dim Product, pode-se ver a chave do produto (que não está visível para a ferramenta cliente), também os nomes da categoria, subcategoria e produto. Porém todos os ítens estão com seus nomes originais, em inglês.

image

Esta visão da Dimensão já permite um tipo de tradução, que será aplicada diretamente à seus membros diretos, no caso, os campos listados acima. Repare na parte superior do da área de edição da Dimensão, a aba Translations. É nesta aba que vamos trabalhar para traduzir os termos.

image

Clique no botão New Translation para adicionar uma nova coluna atrelada ao idioma que deseja escrever os termos. O ícone é um globo com duas setas.

Repare que adicionei o ítem para Portuguese  (Brazil) e então, todos os labels da Dimensão Produto passarão a ser plotados no cubo em Português, de acordo com os textos que eu escrevi. Portanto, se você escrever alguma tradução errada, ELE SERÁ ESCRITA DE FORMA ERRADA na tela do seu cliente.

image

Depois de processar a Dimensão e o Cubo, seus labels ficarão apresentados de forma traduzida.

Antes (original – Inglês)

image

 

Depois (Português)

image

A mesma regra se aplica aos labels do Cubo, onde pode-se traduzir as dimensões, nome do cubo e as measures que exitem lá dentro. Vou traduzir as measures.

Reparem que neste caso, o ícone usado para adicionar uma tradução é o mesmo globo, mas ao invés de possuir as duas setas, ele tem um cubo em 3D

image

Na mesma instrução de antes, processamos o cubo e ao atualizar a ferramenta cliente, voilà, o dado está traduzido para o idioma local do cliente!

Antes (original _ Inglês)

image

depois (português)

image

Com isso, você consegue internacionalizar com pouco esforço seus projetos, e aumenta a satisfação de seus clientes, sejam eles internos ou externos! Au revoir monsieur!

Compartilhe o post:
RSS
Follow by Email
Facebook
YOUTUBE
YOUTUBE
LinkedIn

Comentários

comments