O que esperar para BI no SQL Server 2014

Fala galera, a alguns dias foi anunciado o CTP 1 do SQL Server 2014, e eu separei algumas funcionalidades interessantes relacionados à Business Intelligence que você poderá utilizar nesta nova versão.

Com certeza o SQL Server 2014 terá mais novidades do que estas que estou escrevendo aqui, mas já dá pra ter uma idéia do que vem por aí.

SYS.DM_EXEC_QUERY_PROFILES : Este código T-SQL não é exatamente relacionado à BI, mas nos ajudará a acompanhar em tempo real o progresso da consulta que está sendo executada. Uma aplicação pra essa consulta é entender em que ponto uma carga do Data Warehouse pode estar naquele exato momento.

Power View em Modelos Multidimensionais : Desde o Cumulative Update 4 do SQL Server 2012 com Service Pack 1 já é possível trabalhar com o Power View conectado em Modelos Multidimensionais. Sabemos que com o Excel 2013 o Power View já é nativo, mas no Excel ainda não suporta estas conexões multidimensionais. Para usufruir desta modelagem, é obrigatório o uso do SQL Server Reporting Services com SharePoint Mode. Por enquanto, só nesta configuração. Isso sem falar que esta nova release do Power View permite uma integração com mapas e gráficos de pizza.

Data Explorer para Excel : A algumas semanas tivemos o lançamento Data Explorer Preview, e conseguimos ter benefícios de identificar e importar dados de fontes externas não convencionais, como do HDFS (Hadoop Distributed File System), do Facebook e/ou de um site como o Wikipedia. Inclusive pode-se procurar por uma origem de dados dentro do seu “buscador”. No final, os dados são trazidos para dentro do Excel, ai o céu é o limite, divirta-se montando seus relatórios interativos com o Power View.

Geoflow para Excel : Também foi lançado a algumas semanas o Geoflow Preview, que permite uma criação em 3D de informações plotadas em um mapa geodesico (no formato do globo terrestre e não em formato planar) permitindo interagir mais naturalmente com os dados plotados, criando mapas de calor, gráficos de coluna ou de bolhas nas regiões que possuem determinada informação. Também é possível criar uma linha do tempo em cima daquele dado, porque podemos adicionar uma data e hora no dado e com poucos clicks comparar dois períodos. Por causa dessa timeline, também conseguimos criar estórias “cinematográficas” criando um tour guiado nos dados que queremos apresentar, mostrando evolução daquela informação.

Hekaton para In-Memory OLTP : O Hekaton é a estrutura para se trabalhar in-memory com o banco de dados relacional. Não é uma versão diferente do SQL Server, é só mais uma forma de se trabalhar com os dados e mudar o mind-set para um mundo onde não se tem concorrência, nem locks, muito menos dead-locks. Para se trabalhar com os dados em memória, você precisa definir que a tabela em questão terá esta peculiaridade, e então, ela passa a ser considerada como tal. Ok, isso também não tem nada a ver exclusivamente com BI, mas a partir do momento que está se montando o Data Warehouse e preparando os dados para o cubo OLAP processar, se isso acontecer mais rápido, teremos muitos benefícios.

ColumnStore Index permitindo escrita : Na versão 2012 do SQL Server, o ColumnStore Index foi lançado, mas por sua arquitetura, não era permitido escrever nas tabelas que possuiam este índex. Fiz um post comparando algumas formas de se escrever em tabelas com esta indexação. Agora no SQL Server 2014, o ColumnStore Index permitirá escrita nas tabelas. Esta indexação colunas continua sendo um grande benefício para trabalhar com Data Warehouse e também com cenários onde existam consultas com agregadores e muitos milhões de registros.

PowerPivot Management Dashboard : Esta ferramenta de gerenciamento está disponível no console de administração central do SharePoint 2013, possibilitando o monitoramento dos dados e das planilhas de Excel (publicadas no Excel Services do SharePoint) que estão sendo usadas. Permitindo tuning para melhorar a performance de um conjunto de dados específicos que são consumidos pelos nossos clientes através do portal.

Bom, como dito lá em cima, não são só estas novidades que temos para a stack de Business Intelligence no SQL Server 2014… Mas isso já dá uma boa idéia de coisas para se pesquisar e estudar nos próximos meses!

Compartilhe o post:
RSS
Follow by Email
Facebook
YOUTUBE
YOUTUBE
LinkedIn

Comentários

comments