Comparando SQL Server e SQL Azure Database – prt 2

Fala galera, continuando com os comparativos entre o SQL Server e o SAD, hoje vou falar sobre Administração Lógica e Administração Física.

Apesar do SAD ter um papel de gerenciador do banco de dados, nós DBAs temos uma função muito importante na administração das aplicações baseadas na plataforma Azure. Nós temos que nos preocupar com criação de schemas, gerenciar as estatísticas, tunar índices, fazer otimização de querys (pra isso chamamos o Fabiano Neves Amorim). A administração física do SAD difere bastante do SQL Server que trabalhamos até hoje, com o SAD já temos replicação automática de todos os dados provendo Alta Disponibilidade (praticamente 24X7), também tem Load Balance automático e caso um servidor seu fique off-line, entra em ação Fail-Over transparente para seu usuário. Isso tudo, sem você controlar nada, tudo automático no SAD.

Uma restrição no SAD é que você não poderá especificar em qual disco ou file group um database ou índice fica armazenado, isso porque não temos acesso aos arquivos dos servidores que estão na nuvem, só acessamos os recursos que estão disponíveis pra gente através dos serviços da Plataforma Azure.

Hah, um detalhe. Replicação, Backup e Restore não são permitidos no SQL Azure Database. É automático!

Logo mais, publico mais alguma comparação entre o SQL Server e o SAD.

Compartilhe o post:
RSS
Follow by Email
Facebook
YOUTUBE
YOUTUBE
LinkedIn

Comentários

comments