Comparando SQL Server e SQL Azure Database – prt 1

Fala galera, algumas perguntas que respondo por e-mails e MSN tem a ver com as diferenças entre o SQL Server local (chamado de on-premises) e o SQL Server na Nuvem, que é um “outro” produto, chamado SQL Azure Database (ou só SAD).

Os dois “produtos” são bem parecidos na questão da funcionalidade. Analisando com uma visão macro, os dois tem a função de armazenar dados pra aplicações consumirem. Esse é o objetivo de ambos! É claro que existem mais coisas envolvidas, mas a grosso modo, pode-se resumir a isso.

o SQL Azure Database é similar a uma instância do SQL Server local, expondo uma interface baseada em T-SQL para se trabalhar com o database, permitindo que se utilize o SAD para quase todas as coisas que é possível fazer no SQL Server. É claro, que o SAD é fornecido como um serviço então algumas pequenas diferenças com relação ao SQL Server on-premises existirá, principalmente com relação à hardware.

Algumas diferenças para os DBAs que trabalharão com o SAD, é que não precisarão mais se preocupar com questões de hardware como Servidores, aplicação de Services Pack ou Hotfix, memória, espaço em disco. Tudo isso agora é responsabilidade da Microsoft e eles fornecerão pra você. Você como DBA ainda terá seu trabalho de administrar Databases, Logins, Users, roles e todas as outras milhões de coisas que ocupam nosso tempo e fritam nosso cérebro.

Essa é só a primeira parte desta série, sobre a comparação do SQL Server e o SQL Azure Database. Aguarde as próximas.

Compartilhe o post:
RSS
Follow by Email
Facebook
YOUTUBE
YOUTUBE
LinkedIn

Comentários

comments